ATIVIDADE ACARICIDA DE Nicotiana tabacum SOBRE OVOS DE Rhipicephalus (Boophilus) microplus

  • Izabela Mesquita Araújo Universidade Federal do Pará
  • Mateus Borges Silva Universidade Federal do Pará
  • Nailde de Paula Silva Universidade Federal do Pará
  • Hêmina Carla Vilela Centro Universitário de Lavras
  • Rodrigo Martins Fráguas Faculdade da Amazônia (FAMA)
  • Isis Abel Universidade Federal do Pará

Resumo

A utilização de acaricidas sintéticos é a forma mais comum para o controle do carrapato-do-boi, Rhipicephalus (Boophilus) microplus. Porém, os problemas acarretados pelo o uso indiscriminado desses produtos têm impulsionado a busca por métodos alternativos como a utilização de compostos a base de plantas medicinais. Nesse contexto, este estudo objetivou avaliar a eficácia de diferentes métodos de extração do fumo de corda (Nicotiana tabacum) contra ovos de R. microplus. Para a obtenção dos extratos da planta, foram utilizadas as seguintes técnicas: maceração, destilação e extração de Soxhlet, todas utilizando a água como solvente. Os ovos foram organizados em alíquotas de 100 mg para serem tratados com os extratos e, posteriormente, observados diariamente para o registro dos parâmetros relativos à eclosão larval. Observou-se um aumento significativo no período de incubação quando foram utilizados os extratos obtidos por maceração ou Soxhlet. O período e o percentual de eclosão foram significativamente reduzidos, com a utilização de qualquer uma das técnicas de extração. Portanto, o extrato aquoso de N. tabacum, sem a necessidade de formulações, é eficaz para impedir a eclodibilidade larval sob as condições empregadas nesta pesquisa.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2016-05-09
Seção
Short Communications / Comunicações curtas