ANTHELMINTIC RESISTANCE IN SHEEP GASTROINTESTINAL NEMATODES IN THE NORTHWEST REGION SÃO PAULO STATE

  • Katia Denise Saraiva Bresciani UNESP, Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho
  • Carlos Noriyuki Kaneto UNESP, Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, Faculdade de Medicina Veterinária de Araçatuba, Araçatuba, São Paulo, Brazil.
  • Daniel Fontana Ferreira Cardia UNICAMP, Universidade Estadual de Campinas
  • Jancarlo Ferreira Gomes UNICAMP, Universidade Estadual de Campinas
  • Lucas Vinicius Shigaki de Matos UNESP, Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, Faculdade de Medicina Veterinária de Araçatuba, Araçatuba, São Paulo, Brazil/ Faculdade de Ciências Agrárias e Veterinárias de Jaboticabal
  • Julia Cestari Pierucci UNESP, Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, Faculdade de Medicina Veterinária de Araçatuba, Araçatuba, São Paulo, Brazil/ Faculdade de Ciências Agrárias e Veterinárias de Jaboticabal

Resumo

A ocorrência da resistência anti-helmíntica de nematódeos gastrintestinais foi avaliada em 11 rebanhos ovinos da região Noroeste do Estado de São Paulo, empregando-se o teste de redução de contagem de ovos nas fezes preconizado pela World Association for the Advancement of Veterinary Parasitology (W.A.A.V.P.). Os grupos de anti-helmínticos testados foram os benzimidazóis, imidazotiazóis, salicilanilidas e lactonas macrocíclicas. A resistência anti-helmíntica foi considerada patente, quando a redução das contagens de ovos nas fezes foi inferior a 90,0%, averiguada entre sete a 14 dias após a utilização das drogas. A identificação dos gêneros de nematódeos gastrintestinais resistentes aos anti-helmínticos presentes nas propriedades estudadas foi verificada com a realização de coproculturas. De 10 rebanhos avaliados para a eficácia da moxidectina, cinco (50,0%) apresentaram resistência à mesma. Seis (54,5%) de 11 rebanhos evidenciaram resistência ao levamisol. Resistência ao closantel foi observada em 10 (90,9%) das 11 propriedades examinadas. Resistência a ivermectina e ao albendazol foi detectada em todas as propriedades estudadas. Haemonchus spp. foi o gênero de nematódeo amplamente predominante nas coproculturas realizadas após os tratamentos.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Katia Denise Saraiva Bresciani, UNESP, Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho
Departamento de Apoio, Produção e Saúde Animal, Faculdade de Medicina Veterinária de Araçatuba, Araçatuba, São Paulo, Brasil
Carlos Noriyuki Kaneto, UNESP, Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, Faculdade de Medicina Veterinária de Araçatuba, Araçatuba, São Paulo, Brazil.
Departamento de Apoio, Produção e Saúde Animal
Daniel Fontana Ferreira Cardia, UNICAMP, Universidade Estadual de Campinas
Departamento de Biologia Animal do Instituto de Biologia da Universidade Estadual de Campinas
Jancarlo Ferreira Gomes, UNICAMP, Universidade Estadual de Campinas
Departamento de Biologia Animal do Instituto de Biologia da Universidade Estadual de Campinas e Laboratório de Informática Visual em Biomedicina e Saúde do Instituto de Computação da Universidade Estadual de Campinas
Lucas Vinicius Shigaki de Matos, UNESP, Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, Faculdade de Medicina Veterinária de Araçatuba, Araçatuba, São Paulo, Brazil/ Faculdade de Ciências Agrárias e Veterinárias de Jaboticabal
Departamento de Medicina Veterinária Preventiva e Reprodução Animal
Julia Cestari Pierucci, UNESP, Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, Faculdade de Medicina Veterinária de Araçatuba, Araçatuba, São Paulo, Brazil/ Faculdade de Ciências Agrárias e Veterinárias de Jaboticabal
Departamento de Medicina Veterinária Preventiva e Reprodução Animal

Referências

ALMEIDA, F.A.; GARCIA, K.C.O.D.; TORGERSON, P.R.; AMARANTE, A.F.T. Multiple resistance to anthelmintics by Haemonchus contortus and Trichostrongylus colubriformis in sheep in Brazil. Vet Parasitol, v. 59, p. 622-625, 2010.
AMARANTE, A.F.T.; BARBOSA, M.A.; OLIVEIRA, M.A.G.; CARMELLO, M.J.; PADOVANI, C. R. Efeito da administração de oxfendazol, ivermectina e levamisol sobre os exames coprológicos de ovinos. Braz J Vet Res An Sci, São Paulo, v. 29, n. 1, p. 31-38, 1992.
AMARANTE, A.F.T. Os parasitas de ovinos. 1st ed. Editora Unesp, São Paulo, 263pp, 2014.
BERGER, J. The resistance of a field strain of Haemonchus contortus to five benzimidazole anthelmintic in current use. J S Afr Vet Assoc, v. 46, p. 369-371, 1975.
BOESERMA, J.H.; BORGSTEEDE, F.H.M.; EYSKER, M.; HENDRIKX, W.M.L.; JANSEN, J.; SMITH-BUYS, C.M.C. Prevalence of benzimidazole resistance of nematodes in sheep in The Netherlands. Res Vet Sci, v. 43, n. 1, p. 18-21, 1987.
COLES, G.C. ; BAUER, C.; BORGSTEEDE, F.H.M.; GEERTS, S.; KLEI, T. R.; TAYLOR, M. A.; WALLER, P. J. World Association for the Advancement of Veterinary Parasitology (WAAVP) methods for the detection of anthelmintic resistance in nematodes of veterinary importance. Vet Parasitol, v. 44, p. 35-44, 1992
CONWAY, D.P. Variance in the effectiveness of thiabendazole against Haemonchus contortus in sheep. Am J Vet Res, v. 25, n. 106, p. 844-845, 1964.
CUNHA FILHO, L.F.C.; YAMAMURA, M.H.; PEREIRA, A.B.L. Resistência a anti-helmínticos em ovinos da região de Londrina. In: SEMINÁRIO BRASILEIRO DE PARASITOLOGIA VETERINÁRIA, 11 SEMINÁRIO DE PARASITOLOGIA VETERINÁRIA DOS PAISES DO MERCOSUL, 2. SIMPÓSIO DE CONTROLE INTEGRADO DE PARASITOS DE BOVINOS, 1, 1999, Salvador, BA. Anais... Salvador: CBPV, 1999.p. 153.
DASH, K.M. Multiple anthelmintic resistance in Trichostrongylus colubriformis. Aust Vet J, v. 63, n. 2, p. 45-47, 1986.
DRUDGE, J.H.; ZANTO, J.; WYANT, Z.N.; ELAM, G.W. Field studies on parasite control in sheep: Comparison of thiabendazole, ruelene and phenozthiazine. Am J Vet Res, v. 25, n. 108, p. 1512-1518, 1964.
ECHEVARRIA, F.A.M.; PINHEIRO, A.C. Avaliação de resistência anti-helmíntica em rebanhos ovinos no município de Bagé, R.S. Pesq Vet Bras, v. 9, n. 3, p. 69-71, 1989.
ECHEVARRIA, F.A.M.; TRINDADE, G.N.P. Anthelmintic resistance by Haemonchus contortus to ivermectin in Brazil: a preliminary report. Vet Rec, v. 124, n. 6, p. 147-148, 1989.
ECHEVARRIA, F.A.M.; BORBA, M.F.S.; WALLER, P.J.; HANSEN, J. W. The prevalence of anthelmintic resistance in nematode parasites of sheep in Southern Latin America: Brazil. Vet Parasitol, v. 62, n. 3-4, p. 199-206, 1996.
EDDI, C.; CARACOSTANTOGOLO, J.; PEÑA, M.; SCHAPIRO, J.; MARANGUNICH, L.; WALLER, P.J.; HANSEN, J.W. The prevalence of anthelmintic resistance in nematode parasites of sheep in Southern Latin America: Argentina. Vet Parasitol, v. 62, n. 3-4, p. 189-197, 1996.
EDWARDS, J.R.; WROTH, R.; CHANEET, G.C.; BESIER, R.B.; KARLSSON, J.; MORCOMBE, P.W.; DALTON-MORGAN, G.; ROBERTS, D. Survey of anthelmintic resistance in Western Australian sheep flocks. Prevalence. Australian Vet J, v. 63, n. 5, p. 135-38, 1986.
GRISI, L. Mecanismo de ação dos principais anti-helmínticos utilizados em Medicina Veterinária. Vet Bras, v. 2, n. 2, p. 31-33, 1984.
LARA, D.M. Resistencia a los antihelmínticos: origen, desarrollo y control. Rev Corpoica, v. 4, n. 1. p. 55-71, 2003.
MACIEL, S.; GIMENES, A.M.; GAONA, C.; WALLER, P.J; HANSEN, J. W. The prevalence of anthelmintic resistance in nematode parasites of sheep in Southern Latin America: Paraguay. Vet Parasitol, v. 62, n. 3-4, p. 207-212, 1996.
MACKENNA, P.B. Gastro-intestinal parasitism and anthelmintic resistance in goats. Surveillance, v. 11, p. 2-4, 1984.
NARI, A.; SALLES, J.; GIL, A.; WALLER, P.J.; HANSEN, J.W. The prevalence of anthelmintic resistance in nematode parasites of sheep in Southern Latin America: Uruguay. Vet Parasitol, v. 62, n. 3-4, p. 213-222, 1996.
RAMOS, C.I.; BELLATO, V.; ÁVILA, V.S.; COUTINHO, G. C.; SOUZA, A. P. Resistência de parasitos gastrintestinais de ovinos a alguns anti-helmínticos no Estado de Santa Catarina, Brasil. Ciênc Rural, v. 32, n. 3, p. 473-477, 2002.
ROBERTS, F.S.H.; O’SULLIVAN, P.J. Methods for egg counts and larval cultures fpr strogyles infecting the gastro-intestinal tract of cattle. Aust J Agric Res, v. 1, p. 99, 1950.
SANTIAGO, M.A.M.; COSTA, U.C. Resistência de Haemonchus contortus, Trichostroingylus colubriformis e Ostertagua spp. ao levamisole. Ciênc Rural, v. 9, p. 315-318, 1979.
SANTOS, V.T.; FRANCO, E.B. O aparecimento de Haemonchus resistente ao radical benzimidazole em Uruguaiana. In: CONGRESSO LATINO AMERICANO DE PARASITOLOGIA, 1º, 1967, SANTIAGO, CHILE, Anais, p. 105-106.
SARGINSON, N.D.; JACKSON, F.; BARTLEY, D.J.; WILSON, D.J.; STENHOUSE,
L.J.; PENNY, C.D. Observations on the emergence of multiple anthelmintic resistance in sheep flocks in the south-east of Scotland. Vet Parasitol, v. 145, p. 65-76, 2007.
SOUZA, F.P.; THOMAZ-SOCCOL, V.; CASTRO, E.A. Contribuição para o estudo da resistência de helmintos gastrintestinais de ovinos (Ovis aries) aos anti-helmínticos, no Estado do Paraná. Rev Bras Parasitol, v. 6, n. 2, p. 217, 1997.
TAYLOR, M.A.; HUNT, K.R. Anthelmintic drug resistance in the U.K. Vet Rec, v. 125, n. 7, p. 143-147, 1989.
THOMAZ-SOCCOL, V.T.; SOTOMAIOR, C.; SOUZA, F.P.; CASTRO, E.A.; PESSÔA
SILVA, M.C.; MILCZEWSKI, V. Occurrence of resistance to anthelmintic in sheep in Paraná State, Brazil. Vet Rec, v. 139, p. 421-422, 1996.
UENO, H.; GONÇALVES, P.C. Manual para diagnóstico das helmintoses de ruminantes. 4th ed. Japan International Cooperation Agency, Tokyo, 143 pp, 1998.
VAN WYK, J.A.; MALAN, F.S. Resistance of field strains of Haemonchus contortus to ivermectin, closantel, rafoxanide and the benzimidazoles in South Africa, Vet Rec, v. 123, n. 9, p. 226- 228, 1988.
VIZARD, A.L.; WALLACE, R.J. A simplified faecal egg count reduction test. Aust Vet J, v. 64, n. 4, p. 109-111, 1987.
VERÍSSIMO, C. J.; NICIURA, S.C.M.; ALBERTI, A. L. L.; RODRIGUES, C.F.C.; BARBOSA, C.M.P.; CHIEBAO, D.P.; CARDOSO, D.; SILVA, G.S.; PEREIRA, J.R.; MARGATHO, L.F.F.; COSTA, R.L.D.; NARDON, R.F.; UENO, T.E.H.; CURCI, V.C.L.M.; MOLENTO, M.B. Multidrug and multispecies resistance in sheep flocks from Sao Paulo state, Brazil. Vet Parasitol, v.187, n.1-2, p. 209-216, 2012.
Publicado
2016-08-01
Seção
Original Articles / Artigos de Pesquisa

Artigos mais lidos do(s) mesmo(s) autor (es)