INTERAÇÕES ENTRE ADUBOS VERDES E FOSFATO NATURAL NA CICLAGEM DE NUTRIENTES DO SOLO PARA AGRICULTURA FAMILIAR

Palavras-chave: Mineralização. Fertilidade do solo. Leguminosas.

Resumo

A agricultura familiar é importante para a produção de alimentos destinados ao consumo humano, porém é carente de recursos para investir na fertilidade do solo de suas lavouras. O objetivo deste estudo foi analisar se o uso de adubos verdes aumenta a fertilidade do solo quanto os nutrientes N, P e K com baixo risco ambiental para a produção agrícola familiar. Foi implantado um experimento no Estado de Mato Grosso (Brasil), em Delineamento em Blocos Casualizados, Fatorial 6 x 3, com 4 repetições, sendo 6 tipos de plantas e 3 doses de fósforo. As plantas de adubação verde leguminosas foram: mucuna-cinza, Crotalaria juncea, Crotalaria ochroleuca e guandu-anão, também se utilizou parcelas com milheto e vegetações espontâneas. Foi aplicado o fosfato natural reativo nas doses de 0, 50 e 100 kg P2O5 ha-1. As espécies utilizadas como adubos verdes foram cortadas no pleno florescimento e determinados os teores de N, P, K e C nas plantas e no solo. As plantas de adubação verde leguminosas, após mineralização, elevaram os estoques de N, P e K do solo. Crotalaria juncea foi à que alcançou o maior acúmulo de N em sua constituição Este trabalho concluiu que os manejos com plantas de adubação verde, com destaque para Crotalaria ochroleuca, são alternativas técnicas recomendáveis para a agricultura familiar.

 

Referências

ANDA - Associação Nacional para Difusão de Adubos. Principais indicadores do setor de fertilizantes. Available at: <http://www.anda.org.br/ estatistica/Principais_Indicadores_2014.pdf>. Access on: Jun. 10, 2014.

ANDA - Associação Nacional para Difusão de Adubos. Setor de Fertilizantes-Anuário Estatístico de 2018, 1st ed.; Associação Nacional para Difusão de Adubos (ANDA): São Paulo, Brazil, 2019.

BATAGLIA, O. C. et al. Método de Análise Química de Plantas. Campinas, SP: Instituto Agronômico - IAC, 1983. 48 p. (Boletim Técnico, 78).

BUCKMAN, H. O.; BRADY, N. C. Natureza e propriedade dos solos. Rio de Janeiro, RJ: USAID, 1967. 594 p.

CALVO, L. et al. Produtividade de massa e relação c/n de monocultivos e consórcios de guandu-anão, milheto e sorgo em três épocas de corte. Bragantia, 69: 77-86, 2010.

CASALI, C. A. et al. Benefícios do uso de plantas de cobertura de solo na ciclagem de fósforo. In: TIECHER, T. (Ed.). Manejo e conservação do solo e da água em pequenas propriedades rurais no sul do Brasil: práticas alternativas de manejo visando a conservação do solo e da água. Porto Alegre, RS: UFRGS, 2016, Capítulo II, p. 23-33.

CAVALCANTE, A. P. et al. Inoculação das cultivares locais de feijão-caupi com estirpes de rizóbio. Revista de Ciências Agrárias, 60: 38-44, 2017.

CORRÊA, A. L. et al. Adubação verde com crotalária consorciada ao minimilho antecedendo a couve-folha sob manejo orgânico. Revista Ceres, 61: 956-963, 2014.

DONNAGEMA, G. K. et al. Manual de métodos de análise de solos. 2. ed. rev. Rio de Janeiro, RJ: Embrapa Solos, 2011. 230 p. (Embrapa Solos. Documentos, 132).

EMBRAPA - Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária. Sistema brasileiro de classificação de solos. 5. ed., ver. e ampl. Brasília, DF: Embrapa, 2018. 356 p.

EMBRAPA - Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária. Manual de métodos de análises de solo. 2. ed. de Janeiro, RJ: EMBRAPA, 1997. 212 p.

ESPÍNDOLA, J. A. A. et al. Decomposição e liberação de nutrientes acumulados em leguminosas herbáceas perenes consorciadas com bananeira. Revista Brasileira de Ciência do Solo, 30: 321-328, 2006.

FAVARATO, L. F. e al. Atributos químicos do solo com diferentes plantas de cobertura em sistema de plantio direto orgânico. Revista Brasileira de Agropecuária Sustentável, 5: 19-28, 2015.

FINNEY, D. M.; WHITE, C. M.; KAYE, J. P. Biomass production and carbon/nitrogen ratio influence ecosystem services from cover crop mixtures. Agronomy Journal, 108: 39-52, 2016.

FORNASIERI, FILHO, D. Manual da Cultura do Milho. Jaboticabal, SP: Funep, 2007. 576 p.

HALL, H. et al. Cover crops alter phosphorus soil fractions and organic matter accumulation in a Peruvian caca o agroforestry system. Agroforestry Systems, 80: 447-455, 2010.

HERNANI, L. C.; PADOVAN, M. P. Adubação verde na recuperação de solos degradados. In: LIMA FILHO, O. F. et al. (Eds.). Adubação verde e plantas de cobertura no Brasil: fundamentos e práticas. Brasília,

DF: Embrapa, 2014. p. 371-398.

IBGE - Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Censo Agropecuário 2017 – Resultados Preliminares. IBGE, Rio de Janeiro-RJ 2017. Available at: <https://sidra.ibge.gov.br/pesquisa/censo-agropecuario/censo-agropecuario-2017>. Access on: Apr. 21, 2019.

LEITE, M. H. S. Interações entre adubos verdes e fosfato natural na ciclagem de nutrientes do solo para produção de milho na agricultura familiar. 2018. 132 f. Tese (Doutorado em Agricultura Tropical: área de concentração Recursos Naturais) - Universidade Federal de Mato Grosso, Cuiabá, 2018.

LIMA, J. D. et al. Arranjo espacial, densidade e época de semeadura no acúmulo de matéria seca e nutrientes de três adubos verdes. Pesquisa Agropecuária Tropical, 40: 531-540, 2010.

LORENZI, H. Plantas daninhas do Brasil: terrestres, aquáticas, parasitas e tóxicas. 4. ed. Nova Odessa, SP: PLANTARUM, 2008. 640 p.

MALUF, H. J. G. M. et al. Crop residue decomposition and nutrient mineralization in soil with fifferent textures. Revista Brasileira de Ciência do Solo, 39: 1681-1689, 2015.

MANGARAVITE, J. C, S. et al. Phytomass production and nutrient accumulation by green manure species. Revista Ceres, 61:732-739, 2014.

MAPA - Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento. Instrução Normativa SDA Nº 13, de 24 de março de 2011.

MASSAD, M. D. et al. Desempenho de milho verde em sucessão a adubação verde com crotalária, submetido a doses crescentes de esterco bovino, na caatinga mineira. Magistra, 26: 322–332, 2014.

OLIVEIRA, P. P. A. et al. Emissões de GEEs e amônia em sistemas pastoris: mitigação e boas práticas de manejo. In: SIMPÓSIO SOBRE MANEJO DA PASTAGEM, 27., 2015, Piracicaba. Anais... Piracicaba: FEALQ, 2015. p. 179-223.

OLIVEIRA, P. M.; MALAGOLLI, G. A.; CELLA, D. Mercado de fertilizantes: dependência de importações do Brasil. Revista Interface Tecnológica, 16: 489-498, 2019.

PEREIRA, N. S.; SOARES, I.; MIRANDA, F. R. Biomassa e acúmulo de nutrientes por espécies de leguminosas utilizadas como adubo verde na região do Jaguaribe-Apodi, Ceará, Brasil. Revista Verde de Agroecologia e Desenvolvimento Sustentável, 11: 11-14, 2016.

RECALDE, K. M. G. et al. Mandioca em Sucessão a Plantas de Cobertura sob Bases Agroecológicas no Mato Grosso do Sul. Cadernos de Agroecologia, 9: 1-12, 2014.

ROSA, D. M. et al. Substâncias húmicas do solo cultivado com plantas de cobertura em rotação com milho e soja. Revista Ciência Agronômica, 48: 221-230, 2017.

RUFINI, M. et al. Symbiotic efficiency and identification of rhizobia that nodulate cowpea in a Rhodic Eutrudox. Biology and Fertility of Soils, 50: 115-122, 2014.

SANTOS, M. V. Zoneamento Sócio-Econômico-Ecológico: diagnóstico sócio-econômico-ecológico do Estado de Mato Grosso e assistência técnica na formulação da 2ª aproximação. Cuiabá, MT: SEPLAN-MT, 2000. 352 p.

SILVA, M. S. et al. Acúmulo de nutrientes e massa seca produzida por Crotalaria juncea cultivada no cerrado. Brazilian Journal of Biosystems Engineering, 11: 26-36, 2017.

SILVA, J. et al. Sistemas de manejo em transição agroecológica: coerências e contradições na prática cotidiana de agricultores familiares. Revista Brasileira de Agroecologia, 9: 98-113, 2014.

SPITALMIAK, D. L.; WRIGHT, D. L.; LANGDALE, G. Grain peal millet agronomic performance in relation to conventional and strip-tillage. In: National Grain Pearl Millet, 1., Tifton. Proceedings. [S.l]: University of Georgia, 1995. p. 24-27.

TAIZ, L.; ZEIGER, E. Fisiologia vegetal. Porto Alegre, RS: Artmed, 2004. 719 p.

TAVARES, M. F. F.; HABERLI JUNIOR, C. O mercado de fertilizantes no Brasil e as influências mundiais. São Paulo, SP: Escola Superior de Propaganda e Marketing; 2011. 16 p.

TEODORO, R. B. et al. Aspectos Agronômicos de Leguminosas para Adubação Verde no Cerrado do Alto Vale do Jequitinhonha. Revista Brasileira de Ciência do Solo, 35: 635-643, 2011.

XAVIER, F. A. S.; OLIVEIRA, J. I. A.; SILVA, M. R. Decomposition and nutrient release dynamics of shoot phytomass of cover crops in the Recôncavo Baiano. Revista Brasileira de Ciência do Solo, 41, e0160103, 2017.

Publicado
2021-12-22
Seção
Agronomia