POTENCIAL PRODUTIVO DO GIRASSOL SOB DOSES DE BIOFERTILIZANTE CAPRINO E LÂMINAS DE IRRIGAÇÃO

Palavras-chave: Helianthus annuus L. Adubação orgânica. Manejo da irrigação. Tanque Classe A. Produtividade.

Resumo

O girassol, do ponto de vista econômico, apresenta viabilidade para a região Nordeste, desde que adotado o manejo adequado de aplicação de água e adubação. Baseado nisso, o presente trabalho teve como objetivo avaliar o potencial produtivo do girassol, variedade BRS 324, sob doses de biofertilizante caprino e lâminas de irrigação, em dois ciclos. O experimento foi instalado em blocos casualizados no esquema de parcelas subsubdivididas, onde foram testadas a aplicação de cinco doses de biofertilizante caprino (0, 300, 600, 900 e 1.200 mL planta-1 semana-1) e cinco lâminas de irrigação (33; 66; 100; 133 e 166% da evaporação medida no tanque Classe “A”), em dois ciclos de cultivo, com três blocos. O 1º ciclo foi conduzido entre novembro/2014 e fevereiro/2015 e o 2º ciclo de agosto/2015 a novembro/2015. A maior produtividade da cultura foi obtida no 1º ciclo (1.220,78 kg ha-1) na dose de biofertilizante 1.200 mL planta-1 semana-1 combinada à lâmina 134,9% da ECA (524,9 mm). No 2º ciclo, a máxima produtividade de 882,07 kg ha-1 foi proporcionada com a maior dose de biofertilizante e a lâmina de irrigação de 166% da ECA (843,0 mm). A aplicação do biofertilizante caprino não alterou o teor de óleo de girassol, todavia, evidencia-se incrementos para esta variável em resposta às lâminas de irrigação. Os teores de proteína se mostram superiores no 2º ciclo de cultivo (14%) respondendo de forma efetiva a combinação da lâmina média de 100% da ECA com a dose 536 mL planta-1 semana-1 de biofertilizante caprino.

Referências

ALAHDADI, I.; ORAKI, H.; KHAJANI, F. P. Effect of water stress on yield and yield components of sunflower hybrids. African Journal of Biotechnology, v. 10, n. 34, p. 6504-6509, 2011.

ALVES, F. V. et al. Composição química e qualidade fisiológica de sementes de girassol de plantas submetidas à competição intraespecífica. Revista Brasileira de Sementes, v. 34, n. 3, p. 457- 465, 2012.

ARAÚJO, T. V. O. et al. Lâminas de irrigação e coberturas do solo na cultura do girassol, sob condições semiáridas. Revista Irriga, v. 17, n. 2, p. 126-136, 2012.

BRASIL. Ministério da Agricultura e Reforma Agrária. Secretaria Nacional de Defesa Agropecuária. Departamento Nacional de Defesa Vegetal. Coordenação de Laboratório Vegetal. Regras para análise de sementes. Brasília, DF, 1992. 365 p.

CAMPOS, V. B.; CHAVES, L. H. G.; GUERRA, H. O. C. Adubação com NPK e irrigação em Luvissolo: Comportamento vegetativo. Revista Ambiente e Água, v. 10, n. 1, p. 221-233, 2015.

CANCELLIER, L. L. et al. Adubação orgânica na linha de semeadura no desenvolvimento e produtividade do milho. Semina: Ciências Agrárias, v. 32, n. 2, p. 527-540, 2011.

CASTRO, C.; FARIAS, J. R. B. Ecofisiologia do girassol. In: LEITE, R. M. V. B. C.; BRIGHENTI, A. M.; CASTRO, C. (Eds.). Girassol no Brasil. Londrina: Embrapa Soja, 2005. cap. 9, p. 163-218.

CARVALHO, C. G. P. et al. Cultivar de girassol BRS 324 – Variedade com alto teor de óleo e produtividade. 1. ed. Londrina: Embrapa Soja, 2013. 2 p. (Folder, n. 09).

DIAS, C. N. Cultivo do morango sob diferentes condições de ambientes e doses de biofertilizante na região do Maciço de Baturité, Ceará. 2014. 93 f. Dissertação (Mestrado em Engenharia Agrícola: Área de Concentração em Irrigação e Drenagem) – Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, 2014.

DUARTE, J. M. L. et al. Eficiência no uso da água na produção de óleo do girassol (Helianthus annuus L.), sob suspensão hídrica. Revista Brasileira de Agricultura Irrigada, v. 6, n. 3, p. 166-175, 2012.

EMPRESA BRASILEIRA DE PESQUISA AGROPECUÁRIA - EMBRAPA. DONAGENA, G. K. et al. (Eds.). Manual de métodos de análises de solos. 2.ed. Rio de Janeiro, RJ: Embrapa Solos, 2011. 230 p.

FREIRE, J. L. O. et al. Necessidade hídrica do maracujazeiro-amarelo cultivado sob estresse salino, biofertilização e cobertura do solo. Revista Caatinga, v. 24, n. 1, p. 82-91, 2011.

LIMA, F. A. et al. Irrigação da cultura do gergelim em solo com biofertilizante bovino. Revista Brasileira de Agricultura Irrigada, v. 7, n. 2, p. 102-111, 2013.

LOBO, T. F. et al. Efeito do lodo de esgoto e do nitrogênio nos fatores produtivos do girassol. Revista Brasileira de Engenharia Agrícola e Ambiental, v. 17, n. 5, p. 504-509, 2013.

MALAVOLTA, E. et al. Adubos e Adubações. 1. ed. São Paulo, SP: Nobel, 2002. 200 p.

OLIVEIRA, A. P. et al. Rendimento de maxixe em solo arenoso em função de doses de esterco bovino e biofertilizante. Revista Brasileira de Engenharia Agrícola e Ambiental, v. 18, n. 11, p. 1130-1135, 2014.

RANGEL, M. A. S. et al. Efeitos da interação genótipos x ambientes no rendimento de grãos e nos teores de proteína de cultivares de soja. Revista Acta Scientiarum Agronomy, v. 29, n. 3, p. 351-354, 2007.

SACHS, L. G. et al. Efeito de NPK na produtividade e componentes químicos do girassol. Revista Semina, v. 27, n. 4, p. 533-546, 2006.

SANTOS, M. J. et al. Seca, precipitação e captação de água de chuva no semiárido de Sergipe. Engenharia Ambiental, v. 6, n. 1, p. 55-73, 2009.

SILVA, D. J. et al. Análise de alimentos: métodos químicos e biológicos. 3.ed. Viçosa, MG: UFV, 2004. 235 p.

SILVA, A. R. A. et al. Desempenho de cultivares de girassol sob diferentes lâminas de irrigação no Vale do Curu, CE. Revista Ciência Agronômica, v. 42, n. 1, p. 57-64, 2011.

SILVA, J. A. S. et al. Rendimento do inhame adubado com esterco bovino e biofertilizante no solo e na folha. Revista Brasileira de Engenharia Agrícola e Ambiental, v. 16, n. 3, p. 253–257, 2012.

SIMÕES, W. L. et al. Aspectos morfofisiológicos do girassol irrigado por gotejamento no submédio são Francisco. Irriga, v. 1, n. 1, p. 66-77, 2016.

SOARES, S. R.; GALBIATTI, J. A. Efeito da aplicação de água residuária de suinocultura na Brachiaria brizantha 'Marandu'. Revista Colombiana de Ciencia Animal, v. 4, n. 1, p. 185-203, 2012.

SOUSA, G. G. et al. Fertirrigação com biofertilizante bovino: Efeitos no crescimento, trocas gasosas e na produtividade do pinhão-manso. Revista Brasileira de Ciências Agrárias, v. 8, n. 3, p. 503-509, 2013.

SOUSA, G. G. et al. Lâminas de irrigação para cultura do gergelim com biofertilizante bovino. Revista Magistra, v. 26, n. 3, p. 343-352, 2014.

TAIZ, L. et al. Fisiologia vegetal. 5.ed. Porto Alegre, RS: Artmed, 2013. 954 p.

VIANA, T. V. A. et al. Lâminas de irrigação e coberturas do solo na cultura do girassol sob condições semiáridas. Irriga, v. 17, n. 2, p. 126-136, 2012.

Publicado
01-04-2019
Seção
Engenharia Agrícola