TERMOTERAPIA COMO AGENTE REDUTOR DE CONTAMINANTES MICROBIANOS NA MICROPROPAGAÇÃO DO BAMBU

Palavras-chave: Tratamento térmico. Microrganismos. Bambusa vulgaris.

Resumo

O objetivo da pesquisa foi avaliar a eficácia da termoterapia por calor úmido em segmentos nodais para reduzir a incidência de contaminantes microbianos na fase de introdução da propagação in vitro de Bambusa vulgaris. Dois experimentos independentes foram conduzidos em delineamento inteiramente casualizado, em arranjo fatorial 4 × 2, quatro níveis de temperatura (25, 30, 40 e 50 °C) × dois intervalos de tempo de exposição ao tratamento (5 ou 10 minutos). Cada tratamento foi composto por nove repetições correspondentes a um segmento nodal de uma gema obtido de ramo primário ou secundário, em meio de Murashige e Skoog sem sacarose, com metade da concentração de sais, suplementado com 6,5 mg L-1 de ágar, 50 mg L-1 de ácido cítrico, 50 mg L-1 de ácido ascórbico, 200 mg L-1 de cloranfenicol e 2 mg L-1 de N6-benzilaminopurina. Isolamento de fungos filamentosos prevalentes nas repetições foi realizado, e, a partir de microcultivos, identificados ao nível de gênero. Os tratamentos correspondentes a 50 °C por 5 min e por 10 min reduziram significativamente a contaminação fúngica que ocorreu em 11% e 0%, respectivamente, nos segmentos nodais de ramos primários e em 0% e 11%, respectivamente, nos secundários. Fungos dos gêneros Alternaria, Bipolaris e Curvularia foram isolados de segmentos nodais dos dois tipos de ramos e Cladosporium apenas de ramos secundários. Os baixos percentuais de crescimento micelial em segmentos nodais submetidos a ambos binômios demonstraram a eficácia da técnica em reduzir a contaminação fúngica apesar da interferência negativa sobre a brotação.

Referências

AGÊNCIA PERNAMBUCANA DE ÁGUAS E CLIMA – APAC. Meteorologia – Boletins Pluviométricos Anteriores. APAC: Recife, 2017. Disponível em:. Acesso em: 17 mar. 2017.

ALI, A. H. et al. In vitro Organogenesis and simultaneous formations of shoots and roots from callus in Dendrocalamus asper. In: VIII WORLD BAMBOO CONGRESS, 2009, Thailand. Proceedings... Massachusetts: World Bamboo Organization, 2009. v. 6, p. 31-40.

ANAND, M.; BRAR, J.; SOOD, A. In Vitro Propagation of Edible Bamboo Bambusa bambos and Assessment of Clonal Fidelity through Molecular Markers. Journal of Medical and Bioengineering, v. 2, n. 4, p. 257-261, 2013.

ARYA, I. D.; ARYA, S. Propagation of bamboos through culture technology and field plantation. In: VIII WORLD BAMBOO CONGRESS, 2009, Thailand. Proceedings... Massachusetts: World Bamboo Organization, 2009. v. 6, p. 131-143.

COPERSUCAR. Formação de viveiros de cana-de-açúcar, a partir do tratamento térmico de gemas isoladas. Santo Antônio: Centro de Tecnologia COPERSUCAR, 1984. 12 p. (Cadernos COPERSUCAR, Série Melhoramento, 9).

FILGUEIRAS, T. S. et al. Poaceae. In: Lista de espécies da flora do Brasil. Jardim Botânico do Rio de Janeiro, 2015. Disponível em: <http://floradobrasil.jbrj.gov.br/jabot/floradobrasil/FB193>. Acesso em: 08 jun. 2018.

GHAVAMI, K.; MARINHO, A. Propriedades físicas e mecânicas do colmo inteiro do bambu da espécie Guadua angustifolia. Revista Brasileira de Engenharia Agrícola e Ambiental, v. 9, n. 1, p. 107-114, 2005.

GENEROSO, A. L. Caracterização Morfológica e Cultivo in vitro de Espécies de Bambu. 2014. 57 f. Dissertação (Mestrado em Genética e Melhoramento de Plantas) - Universidade Estadual Norte Fluminense Darcy Ribeiro, Campos dos Goytacazes, 2014.

HEIDY, K. D.; ZHOU, D.; DALISAY, T. Bambusicolous fungi: A review. Fungal Diversity, v. 9, n. 1, p. 1-14, 2002.

LIESE, W. Anatomy and Properties of Bamboo. Proceedings of the International Bamboo Workshop. China, 1985. p. 196-208.

LIN, X.; HUANG, L.; FANG, W. Bamboo regeneration via embryogenesis and organogenesis. In: Embryogenesis. Sato, Ken-Ichi (Eds.). INTECH: Rijeka, 2012. cap. 16. p. 359-372. Disponível em: <http://www.intechopen.com/books/embryogenesis/bamboo-regeneration-via-embryogenesis-and-organogenesis>. Acesso em: 08 jun. 2018.

MANAMGODA, D. S. The genus Bipolaris. Studies in Mycology, v. 79, n. 1, p. 221-288, 2014.

MANCINI, V.; ROMANAZZI, G. Seed treatments to control seedborne fungal pathogens of vegetable crops. Pest Management Science, v. 70, n. 6, p. 860-868, 2014.

MARCHI, C. E. et al. Quimio e termoterapia em sementes e aplicação de fungicidas em Brachiaria brizantha como estratégias no manejo do carvão. Summa Phytopathologica, v. 34, n. 4, p. 321-325, 2008.

MSOGOYA, T. et al. Identification and management of microbial contaminants of banana in vitro cultures. Journal of Applied Biosciences, v. 55, n. 1, p. 3987-3994. 2012.

MUDOI, K. D.; SAIKIA, S. P.; BORTHAKHUR, M. Effect of nodal positions, seasonal variations, shoot clump and growth regulators on micropropagation of commercially important bamboo, Bambusa nutans Wall. Ex. Munro. African Journal of Biotechnology, v. 19, n. 19, p. 1961-1972. 2014.

MURASHIGE, T.; SKOOG, F. A revised medium for rapid growth and bioassays with tobacco tissue culture. Physiologia Plantarum, v. 15, n. 1, p. 473-497. 1962.

NATH, A. J.; DAS, G.; DAS, A. K. Vegetative phenology of three bamboo species in subtropical humid climate of Assam. Tropical Ecology, v. 49, n. 1, p. 85-89, 2008.

PANDEY, B. N.; SINGH, N. B. Micropropagation of Dendrocalamus strictus nees from mature nodal explants. Journal of Applied and Natural Science, v. 4, n. 1, p. 5-9. 2012.

PAYNOR, K. A.; DAVID, E. S.; VALENTINO, M. J. G. Endophytic fungi associated with bamboo as possible sources of single cell protein using corn cob as a substrate. Mycosphere, v. 7, n. 2, p. 139-147, 2016.

RAMANAYAKE, S. M. S. D.; YAKANDAWALA, K. Micropropagation of the giant bamboo (Dendrocalamus giganteus Munro) from nodal explants of field grown culms. Plant Science, v. 129, n. 2, p. 213-223, 1997.

SHARMA, P.; SARMA, K. P. In vitro propagation of Bambusa balcooa for a better environment. In: International Conference on Advances in Biotechnology and Pharmaceutical Sciences, 2011, Bangkok. Proceedings… Bangkok: Planetary Scientific Research Centre, 2011. p. 248-252.

SHARMA, P.; SARMA K. P. In Vitro propagation of Bambusa tulda: an important plant for better environment. Journal of Enviroment Research and Development, v. 7, n. 3, p. 1216-1223, 2013.

SHEN, X. et al. Diversity and antimicrobial activity of culturable endophytic fungi isolated from moso bamboo seeds. PLoS One, v. 9, n. 4, p. 1-7, 2014.

TORRES, G. R. C.; HOULLOU, L. M.; SOUZA, R. A. Control of contaminants during introduction and establishment of Bambusa vulgaris in vitro. Research in Biotechnology, v. 7, n. 1, p. 58-67, 2016.

TORRES, G. R. C. et al. Efeito da posição de segmentos nodais sobre a contaminação e brotação na micropropagação do bambu. Ciência & Tecnologia: Fatec-JB, v. 8, n. 1, p. 1-15, 2016.

URASHIMA, A. S.; GRACHET, N. G. Métodos de detecção de Leifsonia xyli subsp. xyli e efeito da termoterapia na brotação das gemas de diferentes variedades de cana-de-açúcar. Tropical Plant Pathology, v. 37, n. 1, p. 57-64, 2012.

WOUDENBERG, J. H. C. Alternaria section Alternaria: Species, formae speciales or pathotypes? Studies in Mycology, v. 82, n. 1, p. 1-21, 2015.

Publicado
2019-08-26
Seção
Agronomia