A eficácia subjetiva da coisa julgada na ação coletiva a partir da análise do RE 612043 do STF

Autores

  • Paula Paciullo de Oliveira Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF)

DOI:

https://doi.org/10.21708/issn2675-8423.v2i1r10351.2021

Resumo

Resenha crítica sobre o RE 612043 julgado pelo STF que analisa a eficácia subjetiva da coisa julgada em ações coletivas propostas por associações civis, sendo que os filiados a estas instituições o devem ser antes ou até a data de propositura da ação.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2021-07-05

Como Citar

Paciullo de Oliveira, P. (2021). A eficácia subjetiva da coisa julgada na ação coletiva a partir da análise do RE 612043 do STF. Revista Estudantil Manus Iuris, 2(1), 8–10. https://doi.org/10.21708/issn2675-8423.v2i1r10351.2021

Edição

Seção

Resenhas